Ranking de ocupações que mais criaram vagas no ano

  1. Técnico de Enfermagem: 29.376
  2. Enfermeiro: 15.501
  3. Tratorista Agrícola:12.635
  4. Trabalhador Volante da Agricultura: 12.410
  5. Motorista de Caminhão (Rotas Regionais e Internacionais): 12.301
  6. Trabalhador da Cultura de Café: 9.867
  7. Professor de Nível Superior do Ensino Fundamental (1ª a 4ª Série): 8.389
  8. Auxiliar de Processamento de Fumo: 7.398
  9. Magarefe: 6.582
  10. Trabalhador Agropecuário em Geral: 5.655
  11. Professor de Nível Médio no Ensino Fundamental: 5.482
  12. Auxiliar de Desenvolvimento Infantil: 4.914
  13. Operador de Máquinas de Beneficiamento de Produtos Agrícolas: 4.335
  14. Professor da Educação de Jovens e Adultos do Ensino Fundamental (1ª a 4ª Série): 4.201
  15. Trabalhador da Cultura de Milho e Sorgo: 3.965
  16. Professor de Nível Superior na Educação Infantil (4 a 6 Anos): 3.488
  17. Professor de Nível Médio na Educação Infantil: 3.441
  18. Fisioterapeuta Geral: 3.131
  19. Auxiliar de Enfermagem: 2.771
  20. Analista de Desenvolvimento de Sistemas: 2.728
  21. Professor de Nível Superior na Educação Infantil (0 a 3 Anos): 2.559
  22. Professor de Ensino Superior na Área de Prática de Ensino: 2.511
  23. Embalador à Mão: 2.491
  24. Professor de Ensino Superior na Área de Didática: 2.313
  25. Abatedor: 2.249
  26. Operador de Colheitadeira: 2.199
  27. Professor de Disciplinas Pedagógicas no Ensino Médio: 2.063
  28. Professor de Língua Inglesa: 1.906
  29. Inspetor de Alunos de Escola Pública: 1.861
  30. Orientador Educacional: 1.761